Olá! :)

Você sabe porque explicabilidade é uma habilidade importante para todos nós?

Nesse episódio, Murilo fala o que é explicabilidade e sobre o concurso Miss Explica organizado pela Keep Learning School em parceria com Ricardo Belino.

Nesse episódio, foram capturados 4 insights:

  • “Ser explicador é ser capaz de fazer as suas ideias serem compreendidas.”
  • “A venda não é só quando tem transação financeira.”
  • “Porque a melhor forma de criar um framework de construção é através da desconstrução.”
  • “O futuro da educação não é de poucos para muitos, é de muitos para muitos.”

  • Lucas Schmidt

    Murilo, sensacional esse assunto. Conversei um dia com um amigo sobre isso, que eu admiro muito pessoas que tem um extenso vocabulário e sabe explicar muito bem uma determinada ideia, que sabe se expressar de forma clara… e usei você e a Camila Farani (sharktank) como exemplo. Acho que pode se treinar sim, como você disse, e venho sempre tentando melhorar isso em mim. Irado, papai. abração!

  • http://www.projetopotencia.org/ Varlei Xavier Nogueira

    Fala, papai!
    No comentário de hoje, vou me ater a um dos pontos que você falou:

    “O futuro da educação não é de poucos para muitos, é de muitos para muitos.”

    É muito louco esse negócio de “inconsciente coletivo”. O que às vezes um pensa de um lado do mundo, soa parecido com o pensamento de outra pessoa numa outra ponta durante o mesmo período. Eu vivia falando, dentro do Teatro Estudantil, da criação de coletivos, da relação não só entre os diretores/professores, mas entre os alunos também, na criação e na partilha de conhecimento, que quando é partilhado, se multiplica. Aí descobri que existe um negócio chamado cultura de rede. Os Pontos de Cultura, do Programa Cultura Viva, formam redes de pontos e pontões de cultura e essas redes se reúnem posteriormente no que eles chamam de Teia. Achei sensacional. Pena que o Cultura Viva está meio parado por conta da instabilidade no governo federal, mas isso aí é outro papo, que dá muito pano pra manda, aliás.

    E não é que no ano passado, através do Alex Bretas, um dos meus curadores, eu descobri uma coisa chamada “Manifesto 15”? Este documento é um manifesto por uma revolução e inovação na educação, que eles chamam de “Inovution”. Recentemente, fui aceito como Embaixador do Manifesto 15 no Brasil e, em breve, vou propor alguns debates por aqui. Quando puder, dá uma olhada que vc vai pirar, tem muito a ver com vc. Vou colocar apenas um tópico aqui, que tem total relação com um dos insights capturados no episódio de hoje.

    “9. A rede é a aprendizagem” (Siemens, 2007). A pedagogia emergente deste século não é cuidadosamente planejada. Em vez disso, é desenvolvida de modo fluído. As nossas viagens pelas redes são os nossos caminhos para a aprendizagem e, à medida que a rede se expande, o mesmo acontece à nossa aprendizagem. Nas abordagens conectivistas, conectamos os nossos conhecimentos individuais para criar uma nova compreensão. Partilhamos as nossas experiências e construímos, a partir delas, novo conhecimento (social). Devemos centrar-nos na capacidade dos indivíduos para navegar nestes espaços e criar conexões por eles próprios, descobrindo como o seu conhecimento e os seus talentos únicos podem ser contextualizados para resolver novos problemas.”

    Espero que goste da contribuição.

    Beijo na testa!

    • murilogun

      que massa!!! vou atras do Manifesto!

      • murilogun

        li e assinei! 😉

        • http://www.projetopotencia.org/ Varlei Xavier Nogueira

          Massa!!!!!

  • Marx Junior

    Cara um processo de explicabilidade que acho bacana é a criação da URL dos episódios. Você buscar explicar (dar sentido) ao episódio em uma palavra. Massa!

  • Joe Santos

    Show!

  • https://www.youtube.com/user/aNGELcLEYDSON Cleydson Barbosa

    Aplico com os meus alunos método Feyman de estudos para que eles já aprendam o conteúdo desenvolvendo a sua habilidade de explicá-lo.

  • Camilla Rodrigues

    Episódio massa! Lembrei do primeiro compromisso do livro do Don Miguel Ruiz, Os quatro compromissos. Ele diz: “Seja impecável com sua palavra. Através da palavra você expressa seu poder criativo.” Esse livro podia ter um Revoal! Hahaha Valeu, Gun! Adoro escutar teu podcast quando tô dirigindo.

GunCast © 2015